Matsangaissa JR foi comprado com a FRELIMO para capturar Nhongo


O André Matsangaissa Júnior, fugiu da Serra da Gorongosa porque aceitou ser manipulado pela FRELIMO para entregar o General MARIANO NHONGO. Tudo começou quando foi contactado pelo enviado especial das nações unidas o Senhor Mirko Mazoni, aliado da Frelimo e prometido muito dinheiro e segurança para trair o seu General. Ele aceitou e prometeu que iria mesmo trazer o General amarrado. Convenceu alguns Homens de confiança da Junta Militar para ir amarrar e apresentar aos seus patrões da Frelimo o Nhongo. De acordo com o combinado, saíram para a localização do esconderijo do General, chegaram na primeira sentinela, manipularam arma e alvejaram mortalmente o guarda que la esteve em prontidão, continuaram com a caminhada para o esconderijo. Os outros Guardas do General que estavam posicionados numa outra sentinela descobriram o esquema e preparam uma emboscada, nessa emboscada foram mortos alguns homens do grupo André JR, e alguns foram capturados e interrogados para revelarem o que realmente pretendiam.

Os Homens narraram toda história desde o princípio e disseram que o André JR estava escondido num local estratégico a esperava do nosso sinal para vir carregar o General amarrado. É ai onde o General Nhongo ordena para que os capturados ligassem ao André e dissessem que já conseguiram capturar o General é só trazer o veículo para levar o homem.

O MATSANGAISSA JR ficou feliz e viu a sua vida realizada. No percurso da caminhada estranhou o movimento e logo foi surpreendido com rajadas de balas, graças a força mágica, conseguiu contornar a emboscada e logo rumou para MAPUTO na casa dos seus patrões, "Presidência da Republica", com medo de ser morto pela Junta Militar da RENAMO liderado pelo General Mariano Nhongo, e foi aconselhado com o Mirko Manzoni e a Frelimo para enganar o povo alegando que foi enviado pelo General Nhongo para dar inicio o Dialogo da Junta Militar da RENAMO. Neste acordo teve direito de uma cobertura jornalística. Graças a Deus, o General Mariano Nhongo organizou uma teleconferência e denunciou a manobra do André JR dizendo que ele é traidor e acrescentou que é uma isca para matar os membros da Junta Militar da RENAMO.

Tudo indica que o último ataque armado que a Junta Militar sofreu que até foi capturado o cozinheiro do General ele é que fornecia as coordenadas as Forças de Defesa e Segurança junto com o seu comparsa João Machava.

André continua sendo usado pela Frelimo para capturar o General Nhongo, mas esquece que o Nhongo é um General preparado capaz de fazer estremecer todo país.

Entretanto Nhongo disse que está aberto ao Dialogo e se o Governo desprezar o seu documento enviado a presidência da república através da embaixada da Suíça, ele irá ordenar seus homens para interditar a governação da Frelimo nas 6 Províncias do País.


Deixe connosco seus anúncios através do seguinte correio electrónico: saculcardoso01@gmail.com Ed. Sacul Cardoso

Sem comentários